Yoga para principiantes: o que precisas de saber antes de começar

Primeira regra do yoga para principiantes: todas as perguntas são válidas e todas as dúvidas têm sentido! Com este artigo, vamos tentar responder a todas as tuas questões, curiosidades e até receios sobre o yoga.  

“Afinal, o que é o yoga e quais os seus benefícios?”

O yoga é uma modalidade que se adapta a todas as idades, tipos de corpo, assim como estilos e filosofias de vida. A palavra yoga vem do sânscrito e significa unir ou controlar. A ideia é que através de vários exercícios e de uma respiração controlada, corpo e mente trabalhem em sintonia. Para isso, trabalha-se a postura do corpo e a meditação, mas sobretudo a respiração. Resultado? O teu corpo vai sentir-se mais relaxado e ligeiro, os teus músculos mais tonificados e tudo isto vai-se reflectir no teu bem-estar – física e mentalmente.  

“Qual é a parte mais difícil do yoga?”

Praticar yoga não significa fazer acrobacias, nem poses elaboradas – isso vem com a prática. Na verdade, o grande desafio do yoga é conseguires concentrar toda a tua atenção na respiração, coordenando-a, de modo a:

  1. Levar mais oxigénio ao sangue
  2. Controlar a energia vital
  3. Dominar a mente e as emoções.

Os praticantes de yoga alegam que logo após o primeiro mês de prática, começam a sentir diferenças, sobretudo na postura e na respiração.  

“Eu não sou muito flexível e/ou tenho peso a mais. Aliás, eu até como carne!”

O yoga é para todos! O yoga não é apenas para veganos, nem para os espirituais e muito menos para magrinhos! Naturalmente, nas aulas, vais encontrar pessoas com mais experiência e prática e, consequentemente, mais ágeis. Não deixes que isso te desmotive ou que seja razão para desistir – pelo contrário. Durante as aulas, deixa-te levar pelo momento e pelos movimentos, mas tem em mente que no yoga é importante saber ouvir o corpo, sem forçar.  

“Aulas de yoga online ou no estúdio?”

Yoga para principiantes estudios ou online

Hoje em dia, podes encontrar várias aulas de yoga online. Contudo, aconselhamos-te a praticar num estúdio. Deste modo, poderás beneficiar do acompanhamento de um profissional que te orienta, dando-te a ajuda nessecária para melhorar a tua prática do yoga e até corrigir possíveis erros. São vários os estúdios onde podes fazer yoga em Lisboa, com o Urban Sports Club.  

“Que tipo de yoga é o melhor para mim?”

Outra das questões de yoga para principiantes mais comuns é sobre que tipo de yoga praticar e como escolher. Se andas a recolher informações sobre o yoga, já te deves ter apercebido que há vários tipos de yoga, certo? Yoga clássico, hot yoga, yoga suspenso, mantra yoga,… enfim: diversidade não falta! Não deixes que isto te assuste. Pelo contrário: pensa só no quanto tens e podes explorar – e, acredita: no yoga, “explorar” é a palavra certa. Muitos praticantes dizem que quanto mais fazem yoga, mais sentem que há para aprender. Mas voltando à questão inicial, para escolher que tipo de yoga praticar, o melhor é falares primeiro com um instrutor. Ele saberá dizer-te o que é melhor para ti e por onde deves começar. Se tens alguma doença ou condição física, deverás informá-lo, para que te possa indicar como adaptar os exercícios, caso seja necessário. Com o Urban Sports Club, tens a possibilidade de experimentar diferentes tipos de yoga, frequentares diferentes estúdios e falares com vários instrutores – tudo isto com uma única subscrição.  

“Que tipo de roupa devo usar numa aula de yoga? E qual o material necessário?”

Material de yoga para principiantes

Recomenda-se roupa prática e confortável – e evita roupa demasiado larga, pois acabará por atrapalhar os movimentos. Quanto a calçado, a maioria dos praticantes opta por fazer yoga descalço. Se preferires usar meias, assegura-te que usas antiderrapantes, para não escorregares. Para a aula, leva contigo uma toalha e uma garrafa de água. Deves ainda perguntar se precisas de levar um colchão ou se o estúdio te disponibiliza um. Como vês, não é preciso muita coisa para praticar yoga! Aqui entre nós, uma boa dica de yoga para principiantes, é: quando começares a praticar yoga, evita o impulso de ir logo comprar material ou roupa. Experimenta primeiro e depois, com base nos primeiros treinos, define tu o que é melhor e o que mais falta te faz: se preferes calções ou calças largas, tops sem ou com manga, etc.  

“Há alguma etiqueta a seguir numa aula de yoga?”

Lembra-te que as aulas são um momento de paz para ti, mas também para os outros. Sê pontual, desliga ou coloca o telemóvel em silêncio e dá espaço aos teus colegas. Aproveita os momentos de relaxamento, caso precises de sair da sala e reserva as questões mais demoradas para o final do treino.  

“Qual o melhor momento para praticar yoga? E o que comer antes?”

Muitos praticantes dizem que praticar yoga pela manhã os ajuda a começar bem o dia; enquanto outros, preferem o final do dia, para descontrair. Seja qual for a tua opção, opta sempre por uma refeição leve e come entre duas a quatro horas antes do treino.   Se ainda tens alguma pergunta ou dúvida, não hesites em perguntar! Encara o yoga como um novo desafio, mas sobretudo como um momento de dedicação a ti e a escutar o teu corpo e a tua mente. Não se trata de seres o melhor, nem o mais rápido e muito menos de fazeres algo para impressionar os outros. Trata-se apenas de “ser”. Namasté!

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Gostarias de saber mais sobre a oferta desportiva corporativa do Urban Sports Club?